Voltando às compras

Voltamos a comprar bonds hoje. Em alguns portfolios com maior apetite ao risco, incluímos também bonds do Mexico em pesos (e não em dólares), apostando na apreciação da moeda mexicana.

Como disse uma vez Warren Buffett, devemos ser gananciosos quando o mercado é medroso e medrosos quando o mercado é ganancioso. Partilhamos dessa teoria e, por isso, tomamos essa decisão.

A vitória de Trump nas eleições norte-americanas foi sem dúvida, para a maioria, um evento surpreendente. Trump venceu um Bush nas primárias e uma Clinton na eleição geral – um feito histórico! Mencionamos isso no nosso post de ontem, mas vale a pena reforçar: os efeitos ainda vão aparecer.

Não há como saber como será a administração Trump e não devemos nos precipitar em decisões que podem custar caro mais  à frente. Após as eleições, o preço do cobre disparou, assim como ações (especialmente as de bancos e biotecnologia, que sofreram antecipadamente com uma possível – e provável – vitória da Hillary Clinton e dos custos adicionais para esses setores, com o aumento da regulamentação e interferência governamental), enquanto que o preço dos bonds desmoronou, tal como as moedas do mundo inteiro (dólar mais forte).

Achamos o movimento demasiado e vimos oportunidades em alguns bonds que vendemos há apenas algumas semanas. Então, decidimos voltar às compras!

No nosso racional, vai ser muito difícil o novo presidente tirar os EUA (e, por falar assim, o mundo) do maior problema que persiste há anos: uma taxa de crescimento aquém do desejado! Há quem diga que os EUA estão entrando em uma recessão e vários números apoiam essa tese, de forma que não há como a taxa de juros lá subir muito.

Acreditamos que uma alta de 0,25% virá em dezembro, mas não será seguida por outras no embalo. Deste modo, o investimento em bonds no momento pode se provar lucrativo. Ainda temos uma posição short em ações e mantemos boa parte dos portfolios em cash, para aproveitar futuras oportunidades.

 

Comentários

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios
Pesquisar
Publicações Recentes

PODCAST – Jesse Redmond – Cannabis

Neste episódio, Marcelo Lopez teve uma conversa muito interessante com Jesse Redmond, Head de Cannabis da Water Tower Research. Jesse discutiu a situação atual do mercado de cannabis nos EUA, os possíveis gatilhos e as perspectivas de investimento. Redmond também explicou o papel que os estados desempenham neste universo, os catalisadores políticos existentes, incluindo a SAFE Banking Act, revisão de cronograma, questões relacionadas a impostos e o que esperar do memorando de Garland.

Continuar lendo

Podcast #36: Jim Grant – Global Markets

Neste episódio, Marcelo Lopez teve uma conversa muito interessante com Jim Grant, fundador e editor do Grant’s Interest Rate Observer. Jim falou sobre os muitos riscos que estão presentes nos mercados hoje, de private equity a títulos de alto rendimento. Além disso, Jim deu sua opinião sobre taxas de juros e inflação e seus possíveis impactos na economia. Ele também nos deu palestras sobre sua commodity preferida, o ouro, e falou sobre energia nuclear e urânio. Por último, mas não menos importante, ele nos deixou 3 excelentes recomendações de livros.

Continuar lendo

180º

Em setembro de 2018, escrevi um artigo para o InfoMoney intitulado “Cannabis: só doidão investe”. Nele, falava sobre a Tilray, empresa do setor de cannabis

Continuar lendo

Dev by

É recomendada ao investidor a leitura cuidadosa do prospecto e do regulamento ao aplicar os seus recursos. A L2 Capital Partners não comercializa cotas de fundos e/ou clubes de investimento ou qualquer ativo financeiro. Conheça nossa Política de Voto.