China corta a taxa de juros

Em uma decisão surpreendente, o Banco Central Chinês anunciou hoje o corte na taxa de juros em 0.25 p.p. e o corte no compulsório em 0.50 p.p.

A notícia pegou o mercado de surpresa e as Bolsas do mundo inteiro respondem a mais estímulos monetários.

O ouro dispara lá fora!

Mas a pergunta que fica é a seguinte: por que a China, que há poucos dias anunciou um crescimento de 6.9%, acima das expectativas, precisa cortar a taxa de juros? Será mesmo que o gigante asiático está crescendo nesse ritmo?

Nós duvidamos! Como já dissemos antes, não acreditamos em crescimento pujante de 7% para a economia chinesa. No máximo 3% – e olhe lá!! E à custa de muita dívida, o que sabemos não ter um final feliz. E as coisas não devem estar nada boas lá no momento, senão, por que abaixar a taxa de juros?

Apesar da alegria nas Bolsas mundiais, com o Mario Draghi prometendo ainda mais QE na Europa ontem e a China abaixando a taxa de juros (agora ficam faltando somente Japão e Austrália para turbinar ainda mais a festa), recomendamos cautela aos nossos investidores.

Comentários

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios
Pesquisar
Publicações Recentes
Sem categoria

Energia Limpa, sim senhor!

Essa semana fomos surpreendidos por temperaturas muito abaixo do normal até mesmo para essa época do ano em várias regiões dos EUA, com destaque para

Continuar lendo

Contato

Brasil
Vila da Serra, Nova Lima - MG
CEP: 34.006-059

Dev by

É recomendada ao investidor a leitura cuidadosa do prospecto e do regulamento ao aplicar os seus recursos. A L2 Capital Partners não comercializa cotas de fundos e/ou clubes de investimento ou qualquer ativo financeiro. Conheça nossa Política de Voto.