Essa foi uma semana bem agitada. Na verdade, a semana começou na quinta passada, quando os mercados mundiais começaram a cair. Essa queda se estendeu pela sexta e pôs muita pressão para que o governo chinês tomasse uma atitude para evitar que tais quedas fossem trazidas a esta semana.

Como o governo chinês nada fez (além da tradicional compra de ações no mercado, proibição de vendas a descoberto e ameaças de prisões em caso de vendas), o mercado chinês caiu bastante na segunda-feira, desencadeando vários sell-offs pelo mundo.

Na terça-feira, o governo chinês conteve o ímpeto vendedor após prender um diretor de uma grande corretora chinesa e anunciar mais um corte na taxa de juros, o que aliviou os mercados acionários. Vale lembrar que esse foi o quarto corte na taxa de juros esse ano, quinto em menos de 12 meses. Como os outros não resolveram, é de se esperar que esse tampouco resolva.

Já nos EUA, depois de um mini-crash – realmente – os mercados foram sustentados pela Apple, após um e-mail (no mínimo ilegal) do CEO Tim Cook para o apresentador de TV Jim Cramer, dizendo que as vendas da empresa estavam indo bem e pedindo para que ele anunciasse isso. A notícia fez com que as ações da Apple, que haviam despencado, subissem imediatamente, zerando as perdas e trazendo todo o mercado com ela.

Como não tivemos o Bullard, tivemos o Cook. Mas alguém está sempre fazendo força para manter os mercados em alta.

Os fundamentos, claro, são os piores possíveis: hoje mesmo saíram os índices Personal Spending e Consumer Confidence, ambos abaixo do projetado. Mas os fundamentos não importam mais, o que importa é que a economia vai mal e indo mal, faz com que a taxa de juros fique baixa por mais tempo, mantendo a farra nas Bolsas de Valores.

Esse mercado está bem estranho e sendo suportado pela expectativa de juros baixos e mais impressão de dinheiro. Não é um mercado saudável e, por isso mesmo, recomendamos aos nossos clientes que fiquem de fora.

O ouro subiu bem essa semana aqui no Brasil, passando dos R$130/g. Quando começamos a recomendar, no ano passado, ele estava a R$92/g.

Apesar das notícias e da queda brusca do Ibovespa (-7%), nosso Fundo de Ações sobe bem esse mês (+5%) e nosso Fundo Multimercado também (+7%).

Comentários

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios
Pesquisar
Publicações Recentes

Contato

Brasil
Vila da Serra, Nova Lima - MG
CEP: 34.006-059

Dev by

É recomendada ao investidor a leitura cuidadosa do prospecto e do regulamento ao aplicar os seus recursos. A L2 Capital Partners não comercializa cotas de fundos e/ou clubes de investimento ou qualquer ativo financeiro. Conheça nossa Política de Voto.