Tesla – o short do ano

São tantos problemas que é até difícil começar a escrever sobre eles… Mas vamos tentar.

Com uma capitalização bursátil de US$32 bilhões, a Tesla é um pouco menor que a GM, com seus US$57 bilhões. As diferenças começam aí.

A GM entregou quase 300 mil veículos em maio de 2015, contra 10 mil vendidos pela Tesla no primeiro trimestre inteiro!!!

Em cima desses números do primeiro trimestre, a empresa obteve um prejuízo de US$0.71 por ação, de acordo com estimativas da Merrill Lynch. Mas o mercado preferiu ignorar os números e excluir as perdas com o câmbio (sem trocadilhos) e créditos regulatórios e chegou a US$0.36 de prejuízo por ação, contra um prejuízo esperado de US$0.49 –
melhor que o esperado!!! Sério???

Todas as corretoras e bancos que seguem a ação a põem em múltiplos para 2020, já que é quando eles esperam que a ação esteja barata. Levando em conta que os analistas não conseguem prever com exatidão os números para o próximo trimestre, como podemos ter
certeza dos números de daqui a 5 anos?

A empresa tem dívidas de mais de US$3.3 bilhões, que é facilmente manejável com a taxa de juros a zero.

Ela ainda está queimando caixa, investindo em fábricas e novos modelos. O que
acontecerá com as ações quando a taxa de juros subir e os benefícios fiscais se
exaurirem (i.e., as vendas caírem)? Lembrando que o rating da Tesla é B-, 3
posições abaixo do “investment grade”.

Admiramos o CEO, Elon Musk, e gostamos da empresa, mas achamos que ela está precificada para a perfeição, que raramente acontece.

A Tesla pode ser o short do ano.

Imporante lembrar que o valuation pode ficar ainda mais insano, antes de uma correção significativa.

Não recomendamos aos não-profissionais a venda a descoberto.

Comentários

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios
Pesquisar
Publicações Recentes
Sem categoria

Energia Limpa, sim senhor!

Essa semana fomos surpreendidos por temperaturas muito abaixo do normal até mesmo para essa época do ano em várias regiões dos EUA, com destaque para

Continuar lendo

Contato

Brasil
Vila da Serra, Nova Lima - MG
CEP: 34.006-059

Dev by

É recomendada ao investidor a leitura cuidadosa do prospecto e do regulamento ao aplicar os seus recursos. A L2 Capital Partners não comercializa cotas de fundos e/ou clubes de investimento ou qualquer ativo financeiro. Conheça nossa Política de Voto.