Relatório trimestral da Tesla

Na quarta-feira, após o fechamento do mercado, a Tesla divulgou seus resultados referentes ao terceiro trimestre. Como eu já havia mencionado nesse blog, os números provavelmente seriam muito bons – e seria a última vez que a Tesla conseguiria reportar números assim.

Eu ia me abster de escrever sobre os números da empresa, mas como estou vendo vários analistas (tietes) escrevendo as coisas mais absurdas sobre a empresa, resolvi registrar nessas linhas meus comentários.

A parte boa todos já sabem, já que foram propagandeadas aos 4 ventos, mas agora vamos à realidade: houve uma melhora absurda no lucro operacional da empresa, acima de US$1 bilhão no trimestre. Isso com a venda de apenas 43 mil carros a mais, sendo que a maior parte são Model 3, que tem um preço menor. Isso corresponde a mais de US$23 mil de lucro operacional por carro vendido!!! Haja eficiência (por parte do contador, claro). Aliás, vale lembrar que o chefe da contabilidade pediu demissão há pouco – vai ver ele descobriu o que viria em seguida e não quis associar seu nome a esse escândalo. Esse foi o segundo chefe de contabilidade a sair da empresa somente em 2018.

SG&A, diminuiu no trimestre. Sério? A empresa aumentou suas receitas em mais de 70% e as despesas comerciais e administrativas caíram? Contas a receber subiram (absurdamente) e a depreciação desmoronou. Tudo muito estranho, pra dizer o mínimo.

Eu acompanho vários relatórios de consumidores da Tesla e existem milhares de reclamações, como recebimento de pagamento pelo carro e não entrega do mesmo, carros com defeitos saindo da fábrica, etc – nada dessa realidade foi mostrada no último relatório trimestral da empresa. Tudo isso representa problemas para a empresa, mas esse foi o trimestre mais lindo da história da Tesla. Infelizmente, para os bulls (os que estão otimistas com a empresa) acredito que também será o último.

Obviamente, o CFO sabe disso e aproveitou para exercer suas opções, que só venceriam em 2022. Eu imagino que os diretores das empresas, em geral, tenham um conhecimento muito acima do mercado sobre a empresa onde atuam. Se a Tesla se tornasse realmente lucrativa e essa condição se repetisse, era de se esperar que as ações fossem disparar nos próximos meses e anos – então, por que exercer suas opções agora?

A empresa continua fabricando menos de 5 mil Model 3 por semana, apesar de dizer que tem capacidade para produzir mais de 7 mil. Por que será isso? Como também já mencionei, acho que a demanda está acabando. Uma coisa é a demanda por um carro elétrico que custaria US$35 mil, outra é a demanda por um carro elétrico com defeito que custa acima de US$50 mil. Logo, logo os analistas vão se dar conta disso.

A verdade é que a Tesla continua precisando de capital e essa foi provavelmente a última cartada de Musk para tentar impressionar o mercado e conseguir o tão necessitado recurso para manter a empresa rodando. A Solar City já se foi e acredito que a Tesla venha em seguida.

Comentários

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios
Pesquisar
Publicações Recentes
Sem categoria

Energia Limpa, sim senhor!

Essa semana fomos surpreendidos por temperaturas muito abaixo do normal até mesmo para essa época do ano em várias regiões dos EUA, com destaque para

Continuar lendo

Contato

Brasil
Vila da Serra, Nova Lima - MG
CEP: 34.006-059

Dev by

É recomendada ao investidor a leitura cuidadosa do prospecto e do regulamento ao aplicar os seus recursos. A L2 Capital Partners não comercializa cotas de fundos e/ou clubes de investimento ou qualquer ativo financeiro. Conheça nossa Política de Voto.