Ouro Físico: Explosão de Preço à vista?

O Comex (Commodities Exchange), parte da New York Mercantile Exchange (NYMEX), é a divisão desta responsável pelas negociações de metais, como ouro, prata, cobre e alumínio.

A maior parte das negociações de contratos futuros é liquidada financeiramente, sem a entrega dos metais em questão.

Entretanto, os compradores podem pedir uma alocação física dos mesmos e retirá-los, para terem uma maior garantia e segurança.

De acordo com o gráfico da própria Comex (ver abaixo), o montante de ouro alocado vem decrescendo no último ano (ou seja, mais pessoas/instituições estão solicitando o material, em vez de terem somente o “papel ouro”).

comex gold

Em apenas um dia, o volume de ouro disponível para satisfazer os contratos do Comex caiu de 275 mil onças para somente 74 mil, ou seja, pouco mais de 2,3 toneladas. Esse nível é o mais baixo de que temos notícia!!!

Nesse mesmo período, o volume de contratos de ouro abertos ficou em torno de 1.200 toneladas.

Se pararmos para pensar, para cada grama de ouro, existem 540 “donos”!!! Em outras palavras, não existe o metal físico para todos!

Como vimos dizendo há tempos, já que estamos buscando a segurança do ouro, temos que tê-lo físico, não na forma escritural.

Não sabemos como a grande mídia ainda não noticiou nada a esse respeito. Estamos acompanhando essa história de perto e vamos reportar assim que tivermos mais notícias. Esse pode ser o começo de uma explosão no preço do ouro físico.

Mais uma vez, recomendamos a compra do ouro físico enquanto ele ainda está disponível. Quando todos o quiserem, certamente não haverá quantidade suficiente. É melhor se adiantar e comprar o metal anos antes de um cataclismo, do que 1 minuto depois.

Comentários

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios
Pesquisar
Publicações Recentes

PODCAST – Jesse Redmond – Cannabis

Neste episódio, Marcelo Lopez teve uma conversa muito interessante com Jesse Redmond, Head de Cannabis da Water Tower Research. Jesse discutiu a situação atual do mercado de cannabis nos EUA, os possíveis gatilhos e as perspectivas de investimento. Redmond também explicou o papel que os estados desempenham neste universo, os catalisadores políticos existentes, incluindo a SAFE Banking Act, revisão de cronograma, questões relacionadas a impostos e o que esperar do memorando de Garland.

Continuar lendo

Podcast #36: Jim Grant – Global Markets

Neste episódio, Marcelo Lopez teve uma conversa muito interessante com Jim Grant, fundador e editor do Grant’s Interest Rate Observer. Jim falou sobre os muitos riscos que estão presentes nos mercados hoje, de private equity a títulos de alto rendimento. Além disso, Jim deu sua opinião sobre taxas de juros e inflação e seus possíveis impactos na economia. Ele também nos deu palestras sobre sua commodity preferida, o ouro, e falou sobre energia nuclear e urânio. Por último, mas não menos importante, ele nos deixou 3 excelentes recomendações de livros.

Continuar lendo

180º

Em setembro de 2018, escrevi um artigo para o InfoMoney intitulado “Cannabis: só doidão investe”. Nele, falava sobre a Tilray, empresa do setor de cannabis

Continuar lendo

Dev by

É recomendada ao investidor a leitura cuidadosa do prospecto e do regulamento ao aplicar os seus recursos. A L2 Capital Partners não comercializa cotas de fundos e/ou clubes de investimento ou qualquer ativo financeiro. Conheça nossa Política de Voto.