Diário do Comércio: Recuperação da economia será lenta

ECONOMIA

02/06/2016

Recuperação da economia será lenta

Mara Bianchetti

A queda de 0,3% do PIB brasileiro, que diminuiu o ritmo de baixa no trimestre, não significa, necessariamente, momentos mais tranquilos. Para o especialista da L2 Capital Partners, Marcelo López, o cenário ainda é preocupante. “O País parou de desmoronar, mas a inércia ainda é muito forte e ainda teremos um caminho de retração pela frente”, avaliou.

Por isso, ainda não é possível falar em recuperação. “Não chegamos ao fundo do poço, mas já sabemos onde ele é. A partir daí, haverá a recuperação”, completa.

O economista da Tendências Consultoria, Rafael Bacciotti, é mais otimista. Segundo ele, em termos de dinâmica, o cenário mais provável é de variação negativa também no segundo trimestre, caminhando para estabilização a partir do terceiro.

Isso porque, conforme o economista, ainda que o ajuste em curso continue exercendo pressão contracionista sobre a massa de rendimentos e sobre o consumo das famílias, a percepção menos negativa dos agentes com relação à evolução das condições econômicas é consistente com o cenário de estabilização do PIB

Comentários

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios
Pesquisar
Publicações Recentes

Contato

Brasil
Vila da Serra, Nova Lima - MG
CEP: 34.006-059

Dev by

É recomendada ao investidor a leitura cuidadosa do prospecto e do regulamento ao aplicar os seus recursos. A L2 Capital Partners não comercializa cotas de fundos e/ou clubes de investimento ou qualquer ativo financeiro. Conheça nossa Política de Voto.