Commerzbank e o dinheiro

Mais um problema para os burocratas que comandam o ECB (Banco Central Europeu). Agora, foi a vez do Commerzbank, um dos maiores bancos da Alemanha,  soltar a notícia de que está considerando guardar em seus cofres bilhões de euros para evitar a taxa de juros negativa. O mais interessante é que um dos donos do Commerzbank é o governo alemão. Assim, uma medida dessas é tomada como um protesto contra o ECB, por causa das taxas de juros negativas, que impedem que a economia cresça.

Claro, como já falamos ontem, o maior problema para os gênios dos BCs é justamente o que acontecerá quando as pessoas acordarem para a taxa de juros negativa e perceberem que, com 100% de certeza, estão perdendo dinheiro. Haverá, então, uma corrida grande para o dinheiro em espécie e para os metais preciosos, dois movimentos que os BCs querem evitar.

Por isso, estão parando de produzir notas de 500 euros e já há até uma discussão sobre a proibição das notas de 100 dólares!

Vamos acompanhar como essa história se desfecha, mas se o Commerzbank realmente começar a guardar dinheiro no cofre, poderá deslanchar um movimento similar de vários outros bancos e indivíduos, o que faria com que a demanda pelo dinheiro físico disparasse – e sabemos bem que não há tanto dinheiro em espécie assim…

Comentários

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios
Pesquisar
Publicações Recentes

Contato

Brasil
Vila da Serra, Nova Lima - MG
CEP: 34.006-059

Dev by

É recomendada ao investidor a leitura cuidadosa do prospecto e do regulamento ao aplicar os seus recursos. A L2 Capital Partners não comercializa cotas de fundos e/ou clubes de investimento ou qualquer ativo financeiro. Conheça nossa Política de Voto.